Volvo traz novidades para o setor de construção, com um caminhão ainda mais leve e eficaz

Novo Volvo VM Light Mixer é cerca de 900 kg mais leve e permite aproveitamento total da capacidade de implementos betoneira, aumentando a produtividade das empresas transportadoras de cimento. 

Volvo traz novidades para o setor de construção, com um caminhão ainda mais leve e eficaz

A construção civil tem apresentado números surpreendentes em 2020. Mesmo com a retração geral da economia, segundo a Câmara Brasileira da Indústria da Construção CBIC, o setor vem crescendo mês a mês. Em agosto, o nível de atividade teve índice similar ao de 2011, um dos melhores da década. O mercado de betoneiras também registra crescimento, com alta de 58% nas entregas de jan-set, segundo dados da Anfir, Associação Nacional de Fabricantes de Implementos.

Este cenário vem mexendo com as empresas do segmento, que buscam aprimoramento em processos e tecnologia para mais produtividade. "Já tínhamos um produto de referência em betoneiras e fomos consultados por concreteiras para fazer um caminhão ainda mais leve. Por isso desenvolvemos essa nova versão do Volvo VM, que permite transportar mais carga útil" , afirma Clóvis Lopes, gerente comercial de caminhões da Volvo.

Leve como nunca

A nova versão traz diversas alterações em relação ao VM 8x4 tradicional. Somadas, elas possibilitaram redução da tara do caminhão de 8.820 kg para 7.920 Kg, ou seja: 900 kg a menos.

A Volvo trabalhou também em parceria com implementadores, para garantir uma solução completa às empresas concreteiras. O primeiro Volvo VM Light Mixer recebeu uma nova betoneira Liebherr, também projetada para ganho em peso. A tara total do conjunto (caminhão + betoneira) baixou quase 2.500Kg, para apenas 11.650 Kg, possibilitando transportar até 1 m³ a mais de concreto, dentro da lei da balança.

Robustez e autonomia

"A Volvo aprimorou o caminhão, reduzindo peso sem comprometer a reconhecida robustez do veículo", declara Jeseniel Valério, gerente de engenharia de vendas de caminhões.

O chassi da linha VM é produzido com ligas especiais de aço LNE60, exclusivas da marca, mais leves e resistentes.

No VM Light Mixer a Volvo optou pela distância entre-eixos de 4.550mm, ideal para melhor distribuição de peso na betoneira. Mesmo com o entre-eixos mais curto, o caminhão vem equipado com grandes tanques de combustível (200 litros) e Arla32 (50 litros), que permitem rodar o dia todo sem reabastecimento.

4º eixo direcional

Outro diferencial do VM Light Mixer é o 4º eixo direcional dianteiro. "Projetamos um eixo direcional de verdade, que diminui o arraste dos pneus e permite manobras em raios curtos, comuns em canteiros de obra" , assegura Valério. O 4º eixo é um projeto Volvo, instalado no veículo já na linha de montagem, com garantia de fábrica e sem adaptações.

Opcionalmente esse eixo pode ser equipado com sistema suspensor, para trechos em que o caminhão roda vazio ou em eventuais manobras.

Trem de força

O conjunto formado pelo motor, transmissão e eixos traseiros garante excelente desempenho. O consagrado propulsor de 270 cv, reconhecido pelo excelente torque e alta economia de combustível, está acoplado a uma transmissão manual de 9 marchas, mais leve.

Opcionalmente o motor pode receber escape vertical, para operações em terrenos mais acidentados.

O VM Light Mixer tem suspensões traseiras com molas parabólicas, que garantem leveza sem perder a robustez. Os pneus são 275/80 R22,5 de uso misto e opcionalmente o caminhão pode ser equipado com rodas de alumínio.

Ganhos na cabine

As cabines Volvo são projetadas com o conceito de célula de sobrevivência, diminuindo riscos aos ocupantes em caso de colisões.

Concebido para operações de transporte entre usinas de concreto e obras em centros urbanos, o Volvo VM Light Mixer é equipado com cabine curta, com grande área envidraçada que permite ampla visibilidade, importante para manobras em canteiros apertados. O veículo é equipado com bancos para motorista e um ajudante, mas opcionalmente pode receber banco de passageiros para duas pessoas.

Externamente, o modelo traz para-choque em aço, mais leve, e tem faróis com desenho similar ao das versões rodoviárias da linha VM. O conjunto ótico tem luzes diurnas em LED, uma característica de segurança e identidade de toda a linha de caminhões Volvo atual.

Mesmo com os novos para-choques a suspensão elevada do modelo garante um ângulo de ataque grande, ideal para enfrentar a severidade de operações fora-de-estrada.

"Há anos os caminhões Volvo já são largamente utilizados por indústrias de concreto. Mas no novo Volvo VM Light Mixer reunimos diversas especificações que seguramente o tornam a melhor opção para as atuais exigências desse tipo de aplicação", finaliza Clóvis Lopes.

Vídeo Release Novo Volvo VM Light Mixer
https://youtu.be/SnszCsfZCHM

Acesse o release na sala de imprensa.

Curitiba, 14 de outubro de 2020.

Mais informações,

Marco Greiffo 
Comunicação Corporativa Grupo Volvo América Latina 
Tel: +55 41 3317-7830 / 3317-8736 
E-mail: marco [dot] greiffo [at] volvo [dot] com

Related News

Volvo CE oferece no Brasil um versátil kit de conversão de assentador de tubos

Compatível com a EC140DLM, a escavadeira de 14 toneladas da marca, o implemento converte o equipamento para a operação com tubos e vários outros tipos de cargas.

...

Volvo inicia testes de campo com caminhões elétricos pesados na Europa

Após o início da produção em série de caminhões elétricos semipesados, a Volvo inicia agora testes reais na Suécia também com caminhões elétricos maiores.

...

Volvo aumenta vendas e ganha participação em caminhões de construção

Um dos maiores fabricantes de caminhões vocacionais do Brasil, a Volvo aumentou em 154% as vendas de veículos para a construção, no acumulado de janeiro a agosto, com ganho de market share.

...